Home / Mundo / Trinta e sete mil imigrantes foram interceptados no Eurotúnel desde janeiro
Foto: Reprodução

Trinta e sete mil imigrantes foram interceptados no Eurotúnel desde janeiro

O grupo Eurotúnel afirmou hoje (29) ter interceptado, desde janeiro, mais de 37 mil imigrantes e pediu à França e ao Reino Unido que tenham uma “resposta apropriada”. A empresa informou ainda que, entre a noite de terça-feira e hoje, foram feitas 1,5 mil tentativas de invasão do túnel e uma pessoa morreu.

“O Eurotúnel alertou, há vários meses, a comissão intergovernamental do túnel sobre o Canal da Mancha e os poderes públicos sobre a explosão do número de imigrantes presentes em Calaisis [região de Calais, no Norte da França] e as consequências, às vezes dramáticas, que isso poderá ter”, disse o grupo que gere a concessão do túnel no Canal da Mancha.

A nota destaca ainda que a situação “ultrapassa o que um concessionário pode fazer de forma razoável.”

Nas últimas semanas, o túnel no Canal da Mancha tem sido invadido diariamente pelos imigrantes mantidos em Calais pelas autoridades, mas que querem passar para o Reino Unido.

Entre a terça-feira e hoje, cerca de 1,5 mil imigrantes tentaram invadir o túnel e, na véspera, cerca de 2 mil pessoas tentaram passar pelo local, que liga a França ao Reino Unido, números jamais vistos pelo grupo gestor do Eurotúnel.

Até o final do ano, segundo a empresa, “novas cercas ao redor das plataformas de embarque” serão colocadas. Além dos “efetivos de segurança, cujo número foi duplicado, num total de 200 pessoas, há equipes com cães”.

 

Agência Brasil

 

Compartilhe: