Home / Redação TEC / Elder Scrolls VI | Bethesda já decidiu qual será a região do jogo
Foto: Reprodução

Elder Scrolls VI | Bethesda já decidiu qual será a região do jogo

Quando Todd Howard anunciou The Elder Scrolls 6 ao final da conferência da Bethesda na E3, a mensagem estava clara: estamos trabalhando neste jogo, mas ainda vai demorar muito. Vimos um breve trailer de um local montanhoso e então um logo, isso foi tudo.

Mas o que vimos exatamente? Esse era o cenário do novo jogo ou um tipo de pista falsa – um cenário genérico no estilo de Elder Scrolls feito para o trailer? Será que a Bethesda Game Studios ao menos já decidiu em qual região iremos jogar? O site Eurogamer deciu perguntar isso a Todd Howard durante a Gamelab.

“Sim,” ele respondeu, a Bethesda já decidiu a região em que The Elder Scrolls 6 irá se basear. E de acordo com ele, isso foi decidido “um tempo atrás.” Quando questionado se era possível descobrir qual seria a região com base no trailer, ele respondeu:

“Eu obviamente diria que sim, mas você não pode – é intencional… Você pode descartar algumas coisas. E você pode incluir algumas coisas. A primeira coisa que fazemos é o mundo, então já sabemos há algum tempo onde irá se passar.”

Muitos fãs tem teorizado onde o jogo irá se passar, e um dos locais mais discutidos é Hammerfell. Quando a Eurogamer decidiu perguntar se será lá onde Elder Scrolls 6 irá se passar, Howard simplesmente respondeu rindo:

“Eu não vou dizer onde ele se passa.”

A Bethesda Game Studios anunciar um jogo tão longe do lançamento é um pouco fora do padrão de como a companhia tem agido nos últimos anos. The Elder Scrolls V: Skyrim foi anunciado um ano antes de seu lançamento e Fallout 4 apenas cinco meses antes. Então por que anunciar The Elder Scrolls 6 tão cedo?

“Isso foi um debate, “Devemos fazer isso?” Tínhamos duas coisas em mente quanto a isso. Primeiro, iriamos para a E3 e mostraríamos um novo Fallout [76], o qual é bem diferente do que normalmente fazemos e então iriamos mostrar um jogo Elder Scrolls [Blades] que também é bem diferente do que normalmente fazemos, e se deixássemos apenas assim, nossos fãs ficariam, “Vocês ainda vão fazer as coisas que eu amo?”
“Já havíamos dito publicamente que eventualmente iriamos fazer um Elder Scrolls 6, mas que tínhamos esses outros projetos… e sentimos que iriamos falar a mesma coisa após a E3, então decidimos nos certificar que nossos fãs sabiam que esse jogo estava chegando e em qual ordem. Eles ainda não sabem em quais anos – nós temos algumas ideias, mas também não temos certeza – mas “aqui estão as coisas nas quais estamos trabalhando”.

As pessoas já estão falando – e chegando as suas próprias conclusões – sobre The Elder Scrolls 6 e Starfield, a nova IP sci-fi que a Bethesda irá fazer antes de Elder Scrolls 6, então por que simplesmente não abrir o jogo?

“Vamos simplesmente contar. É melhor dizer que estamos trabalhando nisso. Isso torna a vida um pouco mais fácil para nós. Se não falássemos nada, eles ficariam desapontados e ainda perguntariam “E quanto a Starfield?” e “E quanto a Elder Scrolls 6?”. Mas também é animador! Estamos animados, queremos compartilhar com todos. O lado negativo é que, estamos nos distraindo do que estamos lançando agora? Mas as pessoas entendem. Vamos apenas ser diretos – “é isso o que estamos fazendo, quando e em qual ordem.”

Mas outro ponto negativo pode ser o fato de criar o hype muito cedo, o que poderia acabar prejudicando os jogos.

“É possível, mas não estamos contando muito. Não me preocupo com isso. Me preocupo com o que acontece no futuro quando as pessoas dizem, “Bem, quando vou ouvir sobre isso de novo?” e então temos que dizer, “Não posso te contar.” Com certeza terá alguns outros pontos negativos que não antecipamos, mas também há muitas coisas positivas, então vamos ver como será.”
Compartilhe: